Xen - uma noite hackeando com sucesso

Como de costume o aviso: conteúdo nerd…

As imagens são apenas pedaços da imagem inteira, clique nelas e veja a imagem inteira.

Seguindo os conselhos de meu mentor, resolvi investir algum tempo no tal Xen. Basicamente o que isto possibilita é utilizar a tecnologia de virtualização oferecida por processadores como o meu (Intel Core Duo 2) e rodar dois sistemas operacionais ao mesmo tempo, no mesmo computador. Um exemplo para os mais leigos, você pode ter um windows, e dois linux rodando ao mesmo temo no mesmo computador.

Na teoria isto tudo parece ser muito bonito, na pratica eu queria ver para crer. Para adicionar uma pitada de complexidade no desafio, meu notebook é equipado com uma placa de video “NVIDIA GeForce Go 7950 GTX” que não é suportada pelo linux mas, por com um driver fornecido pela própria NVIDIA.

A primeira vez que tentei o Xen o boot funcionou bonitinho mas quando tentei abrir a interface gráfica tãn! Não funcionou. Aí instalei o driver padrão oferecido pela NVIDIA e tãn “kernel panic”. Começou então a pedalada pela internet para encontrar alguma solução. Encontrei este tópico onde postei este comentario agradecendo ao JaXXoN por ter solucionado meu problema! Eu estava no Xen usando o driver da NVIDIA!

xen-windows-small.jpgComo primeira experiência já resolvi partir para uma instalação de um Windows XP. Fiz uma cópia do CD de instalação do windows e configurei um “domínio” do xen para bootar desta cópia e xazan:

xm create w2k.hvm

Conectei por vnc na minha própria máquina e apareceu a imagem de “Welcome to Setup” da instalação do Windows XP Home Edition. Depois de algum tempo, quando o setup iniciou o “instalador” do windows e o “video mode” mudou, o vnc perdeu a conexão.

xen-installing-small.jpgConectei-me novamente por vnc e me deaprei com a imagem da instalação do Windows XP. Nesta imagem você consegue ver também a janela do “xentop” que lista os domínios (ou sistemas operacionais virtuais) que estão rodando e alguns de seus atributos. Vale notar que o uso de CPU beirava os 20% a única recurso que estava sendo um pouco mais utilizado era a memória (que eu limitei em 512M [25%] para o windows). Outra coisa interessante é ver o horário, no relogio no topo direito da imagem :-)

xen-installed-small.jpgEsperei mais um pouco para a instalação terminar. Então desliguei a máquina virtual e alterei a configuração para bootar a partir do “disco” onde eu havia instalado o windows. Ah, sim, isto é também é uma informação muito interessante, eu instalei o windows em uma partição lvm! Sim, mais uma das peripécias que você pode fazer com xen. Para o windows, ele instalou em “hda” ou no primeiro disco rigido, porém na realidade tratava-se de um volume lógico do lvm que o xen “virtualmente” exibia como disco rígido para o windows. Re-iniciei o domínio do Xen e tadá!

Ah, sim, não deixe de ver o relógio na últimima imagem também.

Beijos do trabalho!

Comments

  1. costela wrote:

    very, very neat!

    só agora vi que tua máquina pessoal chama “float”! que raiva, queria ter pensado nesse esquema de nomear máquinas antes de você! é genial!

    e seu windows (ou teu linux) tão em horário de verão ein! :-)

Post a Comment

You must be logged in to post a comment.